sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

GOODBYE...


  

    Hoje encerramos o nosso blog de obesidade ):
  Queríamos agradecer todas as pessoas que acompanharam esse projeto da matéria de Bioquímica e Biofísica da UnB, nossa tutora Giselle que nos ajudou muito e o professor Marcelo Hermes por ter nos dado a oportunidade de aprender mais sobre esse tema.
  Esperamos ter ajudado as pessoas a entenderem melhor os mecanismos, tratamentos e conseqüências relacionadas a obesidade (mesmo que as vezes tenhamos exagerado na bioquímica, hehe).
   Nos vemos em outros projetos!!!

Blogueiras

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

TECIDO ADIPOSO

São as famosas “gordurinhas indesejáveis” localizadas em baixo da pele. O tecido adiposo é um tipo de tecido conjuntivo, sua origem advém dos lipoblastos. Este tecido desempenha um papel importante no nosso corpo como:

*isolante térmico;
*reserva de energia (os triglicerídeos); 
*proteção contra choques mecânicos;

Existem dois tipos de tecido adiposo:


TECIDO UNILOCULAR OU AMARELO:

O tecido unilocular contém células uniloculares caracterizadas por apresentar uma gotinha de lipídio em seu citoplasma. Ele pode variar de cor (amarelo) que depende do tipo de ingestão de alimento de cada indivíduo. Este tipo de tecido é o mais encontrado nos seres humanos.


TECIDO MULTILOCULAR OU PARDO:

Ao contrário de tecido unilocular, o tecido multilocular não é abundante nos seres humanos. Por atuar na produção de calor ele é predominante em animais que hibernam e recém nascidos. As células uniloculares possuem várias gotinhas de lipídios em seu citoplasma. A cor parda é por causa de a vascularização ser abundante neste tecido.



referências bibliográficas:
- Primeira imagem disponível em http://www.google.com.br/imgres?q=tecido+adiposo&um=1&hl=pt-BR&sa=N&biw=1024&bih=667&tbm=isch&tbnid=w_Ucnfez0fr4IM:&imgrefurl=http://ihaa.com.br/como-perder-gordura-localizada-no-tecido-adiposo/&docid=Ln2ZRY0eN8MM5M&imgurl=http://i291.photobucket.com/albums/ll292/blogodorium/Ihaa/82370075.jpg&w=478&h=358&ei=WxDYTv-CE8ba0QGxi-nODQ&zoom=1&iact=rc&dur=476&sig=106995822584677664801&page=10&tbnh=127&tbnw=169&start=136&ndsp=16&ved=1t:429,r:13,s:136&tx=80&ty=116 acesso 1 de dezembro de 2011
- Segunda imagem disponível em http://www.google.com.br/imgres?imgurl=http://1.bp.blogspot.com/-3bv8vxmvy_E/To9NdCrd8vI/AAAAAAAAADo/dZtNmhWWgE0/s1600/tecido_adiposo.jpg&imgrefurl=http://obesidadeblog.blogspot.com/2011/10/tecido-adiposo.html&h=600&w=800&sz=37&tbnid=y6OzpnOOlwydhM:&tbnh=92&tbnw=123&prev=/search%3Fq%3Dtecido%2Badiposo%26tbm%3Disch%26tbo%3Du&zoom=1&q=tecido+adiposo&docid=l_YsyamKtiilnM&hl=pt-BR&sa=X&ei=eB3YTr7BNaTw2gXOi8XSDg&sqi=2&ved=0CDsQ9QEwAg&dur=405 acesso 1 de dezembro de 2011
- TECIDO ADIPOSO disponível em Histologia Básica - Texto e Atlas Autor: Luiz Carlos Uchôa Junqueira,/José Carneiro Edição:11/2008 










POSTADO POR: REBECCA CASTELO BRANCO